Como me adaptar aos aparelhos auditivos?

Como me adaptar aos aparelhos auditivos?

Como me adaptar aos aparelhos auditivos?

Com a perda da audição é preciso se adaptar a uma nova condição, num processo que nem sempre é rápido e fácil. Por isso, aceitação é o primeiro passo para conseguir se adaptar da melhor forma aos tratamentos e aparelhos auditivos.

Assim como há diferentes formatos de ouvidos, também existe no mercado vários tipos de aparelhos auditivos.  É preciso ter paciência para que você e o profissional consigam identificar juntos qual aparelho é o melhor de acordo com as suas condições e necessidades.

As primeiras experimentações podem ser um pouco incômodas, já que na maioria das vezes a pessoa com perda auditiva espera um longo tempo antes de buscar auxílio do aparelho ou só percebe a perda quando o caso está avançado. Assim, com o passar do tempo, elas perdem a noção de como ter uma audição normal.  É por isso que alguns sons e ruídos do nosso cotidiano, como trânsito e músicas, podem parecer muito mais altos do que antes. 

Você pode seguir algumas dicas para ajudar no processo de adaptação:

Vá devagar

Comece conversando com apenas uma pessoa por vez e posicionando-se na frente dela, pois isso facilita a compreensão da fala. Aumente gradativamente a quantidade de interlocutores.

Sem dor e desconforto

Procure um fonoaudiólogo a qualquer indício de dor ou desconforto. Os moldes de acrílico ou silicone e a cápsula do aparelhos internos são feitos sob medida e é normal que necessitem de ajustes no começo. 

Crie expectativas reais

Tenha em mente que os aparelhos auditivos não vão restaurar a audição normal, mas vão fazê-lo ouvir de maneira mais fácil e muito mais agradável novamente.

Esteja atento

Perceba as situações que você ouve melhor e pior, quais foram os benefícios do aparelho e quais sons e situações ainda te incomodam. Dar um feedback ao profissional vai ajudar muito nesse processo. 

Acessórios

Existem diferentes acessórios que podem te auxiliar a melhorar o entendimento da fala no ruído. Pergunte ao seu médico como você pode utilizá-los. 

Pistas visuais

Preste atenção nos movimentos do corpo e lábios das pessoas, isso te ajudará a entender melhor o contexto da fala. A leitura labial pode parecer difícil, mas com prática ela irá melhorar muito a sua comunicação.

Sinta orgulho

Não tenha vergonha de seu aparelho e nem perca energia e tempo tentando enconde-lo.  Lembre-se que um aparelho auditivo é mais discreto que sua perda auditiva. 

Use a tecnologia a seu favor

Vários eletrônicos como TV, celulares e computadores possuem amplificadores de sons e Bluetooth com conectividade direta para os aparelhos auditivos.

Informe-se

A informação é uma ferramenta poderosa. Se algo te incomoda ou te deixa em dúvida durante o processo de adaptação, pesquise e leve seus questionamentos ao fonoaudiólogo ou otorrinolaringologista.

 

Voltar para Notícias