Professores têm alto nível de perda auditiva induzida por ruído

Professores têm alto nível de perda auditiva induzida por ruído

Professores têm alto nível de perda auditiva induzida por ruído

O ruído é qualquer som indesejável, desagradável e que perturba, tanto de forma física como de forma psicológica, para todos aqueles que percebem o som. É considerado o agente físico mais frequente no ambiente de trabalho. Em grandes e intensas proporções podem ser classificados como poluição sonora.

Leia mais em “Sons do cotidiano afetam a audição”

Esse fator pode ser prejudicial à audição dependendo da exposição e intensidade. Um estudo realizado pela Wakefield Research verificou que ambientes de trabalho ruidosos podem contribuir para o desenvolvimento da perda auditiva em professores, muito mais que em outras profissões. O estudo também constatou que:

15% dos professores sofrem de algum problema auditivo, enquanto que em outras áreas, apenas 12% foram afetados.
27% dos professores suspeitam ter perda auditiva, no entanto, eles não procuram nenhum tipo de ajuda.
60% se preocupam acerca de sua perda auditiva, mas apenas 19% chegaram a receber seguro por terem problema auditivo.

Além dos constantes ruídos em salas de aulas serem prejudiciais ao profissional, o excesso prejudica também o aluno, já que ambos perdem o poder de concentração e atenção.

Efeitos da perda auditiva

Exposição ao ruído, ocupacional ou não, pode acarretar surdez, zumbido, dificuldade de compreensão da fala, hipersensibilidade ao som, irritação, distúrbios do sono, doenças cardiovasculares, ansiedade, insônia e até depressão.

Os efeitos interferem na qualidade de vida, produzindo limitação de atividades e restrição de socialização pela dificuldade de percepção da fala em ambientes ruidosos e em momentos de lazer, como num jantar de família ou a saída para ir a um barzinho, cinema, shows e teatro.

É válido ressaltar que a qualquer mudança de percepção auditiva é necessário consultar-se com um profissional. O otorrinolaringologista ou fonoaudiólogo poderá realizar testes, detectar o problema, fazer o diagnóstico preciso e direcionar para o tratamento mais eficaz para cada situação. Não tente realizar tratamentos caseiros ou recomendados por outros pacientes. Os sintomas de perda parcial ou integral auditiva podem ser semelhantes, mas nem sempre são de fato o mesmo problema ou causa.

Fique atento aos sintomas:

  • Dificuldade na compreensão de fala de outras pessoas.
  • As pessoas reclamam que o som de sua tv está muito alto.
  • Dificuldade de ouvir quando é chamado por uma pessoa que está atrás de você ou em outro ambiente.
  • Não consegue prestar atenção em conversas em grupo.
  • Dificuldade para comunicar-se em ambientes ruidosos , como no carro, ônibus ou em festas.
  • Pede com frequência para que as pessoas para repitam o que disseram.
  • Não escuta o tic-tac do relógio, o som das águas nem o canto dos pássaros.
  • Ouve com dificuldade o toque de campainha e telefone.
  • A família, colegas e amigos comentam que deve estar sofrendo de perda auditiva.
  • Faz uso da leitura labial durante uma conversa.
  • Sente que tem que se concentrar muito para entender o que as pessoas falam ou cochicham.
Voltar para Notícias