Como escolher um aparelho auditivo?

Como escolher um aparelho auditivo?

Como escolher um aparelho auditivo?

Receber o diagnóstico de perda auditiva não é fácil. Num primeiro momento você talvez nem saiba direito o que perguntar para o fonoaudiólogo, mas as dúvidas vão surgindo a partir das situações que você presencia no dia a dia. Aceitar o uso de aparelhos auditivos é um passo importante para retomar a qualidade de vida. Mas os aparelhos são um investimento alto e a longo prazo. Por isso, a sua escolha deve ser certeira! Pensando em como esse momento é importante, preparamos uma lista com itens essenciais para você levar em conta na hora de escolher um aparelho auditivo:

1- Pesquise e conheça as opções

É importante que você entenda quais são os tipos e modelos de aparelhos auditivos disponíveis no mercado, as marcas mais renomadas e confiáveis e como cada dispositivo funciona e se adapta ao ouvido humano.

Por exemplo, existem alguns modelos que são utilizados dentro da orelha, quase invisíveis. Outros são encaixados atrás da orelha e possuem uma ligação com o ouvido interno. Na internet (e até mesmo aqui no site da Acurys) você encontra muita informação confiável. O ideal é que você pesquise ao máximo, anote sua dúvidas e leve-as para seu fonoaudiólogo.

2- Converse com outras pessoas

Se você conhece alguém que já faz uso de aparelhos auditivos há algum tempo, conversar com essa pessoa pode ser uma boa ideia. Pergunte sobre o dia a dia, a adaptação, quais critérios ela utilizou para escolher um aparelho auditivo, como foi a experiência dela, se recomenda o lugar onde comprou, etc.

Mas lembre-se que cada perda auditiva é única e o que funcionou para seu colega talvez não funcione pra você. Ele pode ter amado o aparelho X mas você vai se sentir melhor com o Y. Por isso, as conversas são boas para te acalmar e tirar algumas dúvidas, mas nunca para comparar os casos ou querer buscar uma verdade absoluta sobre o assunto ok?

3- Leve em conta suas prioridades

Além dos tipos de aparelhos, cada modelo é indicado para um nível de perda auditiva: leve, moderada, severa ou profunda. Cada aparelho auditivo é único e ajustado sob medida para você. É importante compreender que existem dispositivos com diversas funções e recursos. Por isso, leve em conta a sua necessidade e prioridades. Algumas perguntas importantes para você pensar e levar para o fonoaudiólogo são:

  • Você costuma utilizar fones de ouvido?
  • Você pratica esportes com frequência?
  • Você convive em ambientes muito agitados com várias pessoas?
  • Você assiste muita televisão?
  • Você possui zumbido no ouvido?

Essas são algumas perguntas valiosas que vão ajudar a listar as principais funções que seu aparelho precisa ter. Por exemplo, se você pratica esportes com frequência, provavelmente transpira bastante nessas ocasiões. Nesse caso, o ideal é que seu aparelho tenha maior proteção contra umidade e suor. Por isso, sempre fale com seu fonoaudiólogo sobre suas necessidades e expectativas. Somente assim ele poderá te ajudar a escolher um aparelho auditivo ideal para o seu caso.

4- Pesquise valores

Um aparelho auditivo é um investimento necessário que normalmente não temos no nosso planejamento financeiro, certo? Por isso, é importante pesquisar não só os preços, mas também as formas de pagamento.

Saber o que está incluso no valor do aparelho também é essencial. Pergunte sempre sobre os retornos das consultas, tempo de garantia, reparos, auxílio em caso de perda/roubo e outras informações que julgar necessárias. É preciso ter tudo isso muito claro entre vocês já que o combinado não sai caro!

Dica: Fuja de compras pela internet!

Provavelmente você vai encontrar empresas que comercializam seus produtos com preços bem abaixo do mercado na internet. Desconfie! Muitas vezes elas vendem aparelhos chamados de Produtos de Amplificação Sonora Pessoais (PSAP), que não possuem regulamentação e só aumentam o som do ambiente, sem configurações e sem o acompanhamento necessário com um profissional.

Procure comprar sempre Aparelhos de Amplificação Sonora Individual (AASI), que são os verdadeiros aparelhos auditivos. Eles são produtos médicos, encontrados em clínicas especializadas, com profissionais capazes de te auxiliar e fazer os ajustes que você precisa. Além disso, o profissional que te acompanha também é responsável pelo seu período de adaptação até que você esteja completamente satisfeito com seu aparelho. Então nada de comprar “aparelho auditivo” online ok?

5- Teste os aparelhos

Hoje em dia muitas empresas oferecem que você teste seus aparelhos antes da compra. Assim, você pode testar como será a adaptação com ele, qual se encaixa melhor no seu dia a dia, como você lidará com as atividades diárias utilizando um aparelho auditivo, etc.

Na Acurys você pode testar qualquer aparelho Signia por até 10 dias, totalmente grátis e sem compromisso. Isso significa que se você não gostar dos aparelhos, não precisa comprar nem pagar nada por isso!

O teste também é importante para que você comece a sentir a diferença na audição e identifique os pontos que você gostou e quais você gostaria de melhorar. Muitas mudanças podem ser feitas com simples ajustes por um profissional, mas às vezes você precisa de uma funcionalidade que determinado modelo de aparelho não oferece.

Voltar para Notícias