fbpx

Mundo pode registrar 2,5 bilhões de casos de perda auditiva

Mundo pode registrar 2,5 bilhões de casos de perda auditiva

Mundo pode registrar 2,5 bilhões de casos de perda auditiva

Não tem jeito, quando o assunto é saúde, prevenir é melhor do que remediar. Por isso, como anda a saúde da sua audição? Até 2050, a OMS estima que 2,5 bilhões de pessoas possam desenvolver perda auditiva.

Para ficar por dentro das informações mais recentes sobre saúde auditiva, é só seguir a leitura das próximas linhas.

Relatório Mundial sobre Audição

Em março deste ano, a OMS divulgou o Relatório Mundial sobre Audição e revelou números impressionantes. Dos mais de dois bilhões de pessoas que podem ter perda auditiva daqui 30 anos, cerca de 700 milhões vão precisar de cuidados auditivos e de reabilitação, por exemplo.

Diante dos números expressivos, o diretor-geral da OMS, Tedros Adhanom, afirma que “nossa capacidade de ouvir é preciosa. A perda auditiva não tratada pode ter um impacto devastador na capacidade das pessoas de se comunicarem, estudar e ganhar a vida. Também pode afetar a saúde mental das pessoas e sua capacidade de manter relacionamentos”.

De acordo com o relatório, 78% dos países de baixa renda têm menos de um especialista em ouvido, nariz e garganta por milhão de habitantes e 93% têm menos de um audiologista por milhão. O estudo também alerta para o fato de que a desinformação e o estigma ao uso de aparelho auditivo, por exemplo, são fatores que potencializam estes números.

Perda auditiva entre jovens

A combinação fone de ouvido + música alta está colocando a audição de mais de um bilhão de jovens de todo o mundo em risco.

É possível evitar perda auditiva em crianças

De acordo com o relatório, 60% dos casos de perda auditiva em crianças podem ser evitados. O estudo cita a vacinação como um destes fatores de prevenção. É importante manter as vacinas de rubéola e meningite, por exemplo.

Perda auditiva no Brasil

Nosso país têm cerca de 2,2 milhões de brasileiros com deficiência auditiva. A diretora de Atenção Especializada e Temática do Ministério da Saúde, Maíra Botelho, fez uma observação importante na divulgação do relatório. Segundo ela, “para muitos de nós, é fácil esquecer da importância dos sentidos no nosso dia a dia”.

O cuidado com a sua audição deve ser preventivo. Manter seus exames em dia e consultar um fonoaudiólogo aos primeiros sinais de perda auditiva são atitudes decisivas para a saúde da sua audição.

E nisso a Acurys pode te ajudar! Temos uma equipe de fonoaudiólogas especializadas prontas para te atender. Para marcar sua consulta conosco, é só clicar aqui.

Voltar para Notícias